Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Lua sem Sol

"Hoje eles vivem assim....separados, o SOL finge que é feliz, a LUA não consegue esconder que é triste."

Lua sem Sol

"Hoje eles vivem assim....separados, o SOL finge que é feliz, a LUA não consegue esconder que é triste."

Quando não vemos saída

Já há uns dias que se fala sobre o suícidio do guarda-redes Robert Enke. A mim, principalmente, toca-me porque quase que percebo o "poço" onde ele sentia estar sem conseguir ver a saída e a unica solução, para ele, foi mesmo o suícidio. Infelizmente é assim para quem passa por depressões tão complicadas como a dele. Eu há uns tempos atrás tive uma conversa com uma pessoa amiga sobre a coragem que é necessária para se praticar um acto desses porque apesar de ser uma cobardia, porque a vida, a nossa vida, nunca é para ser "roubada" mas deixar para quando chegar a hora de ir, para mim, acima de tudo é um acto de coragem e um desespero total por tudo o que se passa na nossa cabeça. Infelizmente sei do que falo e quem segue mais ou menos este meu cantinho já leu várias vezes alguma coisa sobre a minha experiência. Custa-me sempre ler coisas destas porque nós não somos nada perante estas situações, porque quem está á nossa volta não se apercebe ou não se quer aperceber do que nos vai na cabeça. E estes casos estão a acontecer e existem cada vez em mais quantidade porque a vida assim o está a proporcionar. Depois temos as pessoas que conseguem minimamente controlar as coisas, não terem problemas em ir a psiquiatras em fazer tratamentos ou temos o reverso da medalha, pessoas que mesmo tendo quem as queira ajudar simplesmente se deixam ir na apatia e desespero em que os problemas as pôem. É triste sermos confrontados com casos destes, vermos até que ponto as pessoas não conseguem lidar com a situação mas por outro lado têm a noção perfeita do que vão fazer, como ele que deixou uma carta com as intenções dele. São momentos da mais completa saturação, frustração, pânico, decepção, impotência, falta de soluções mas principalmente desespero. Desespero esse que nos cega e só se vê uma solução - morrer. Talvez agora, finalmente, ele tenha encontrado a saída do maldito poço e esteja em Paz. Pena que tenhamos de chegar a um ponto destes e uns têm um "click" na hora certa e recuam e outros seguem em frente e acabam com todo o sofrimento de uma vez. Para quem está ao nosso lado é bom que nos tentem conhecer melhor e percebam os "sinais" que enviamos e ajam com a ajuda precisa. Como dizia a mulher do Robert Enke "O Amor não foi suficiente" e ás vezes não é mesmo uma questão de Amor, ás vezes basta só um bocadinho de atenção e carinho, compreensão e reconhecimento. Enfim, problemas que esta nossa sociedade agora moderna nos provoca.

(foto retirada da Internet)